Sobre Cachoeira do Sul

brasaoCachoeira do Sul é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul, sendo o quinto mais antigo município do Rio Grande do Sul, emancipado da cidade de Rio Pardo e instalado em 1820. A origem de seu nome se deve a uma antiga cachoeira existente no Rio Jacuí, porém em seu lugar foi construída a Ponte do Fandango. É considerado uma das quatro capitais farroupilhas.

Localiza-se na Mesorregião do Centro Oriental Rio-Grandense e na Microrregião de Cachoeira do Sul. Fisiograficamente, está na Depressão Central do Rio Grande do Sul, na área compreendida como Vale do Jacuí,[6] além de ser a principal e maior cidade do Conselho Regional de Desenvolvimento do Jacuí Centroe da Diocese de Cachoeira do Sul.

Atinge uma altitude média de 26 metros ao nível do mar. Encontra-se às margens da Rodovia Transbrasiliana (BR-153) e distancia-se 196 km da capital estadual, Porto Alegre. Em 2007 possui uma população de 86.557 habitantes,[7] sendo a maior cidade às margens do Rio Jacuí e tendo um de seus apelidos como “Princesa do Jacuí”.

Cachoeira também ostenta o título de “Capital Nacional do Arroz”, devido aos seus laços históricos com este grão. Em comemoração a isto, a cidade sedia a Feira Nacional do Arroz (Fenarroz), o maior evento orizícola das Américas e o segundo no mundo.[8] O município também é o maior produtor de noz-pecã da América Latina.[9] Possui diversos pontos turísticos, dentre os quais pode-se citar o Château d’Eau (cartão-postal da cidade) e a Ponte do Fandango, primeira ponte-barragem construída no Brasil, sobre o Rio Jacuí.